Páginas

terça-feira, 22 de outubro de 2013

VALE-CULTURA

Agora sim! O Vale-Cultura já é uma realidade a partir desse mês! 


O Vale-Cultura é um cartão magnético pré-pago, válido em todo território nacional,  no valor de R$ 50,00 mensais, que vai possibilitar ao trabalhador de carteira assinada ir ao teatro, cinema, museus, espetáculos, shows, circo ou mesmo comprar ou alugar CDs, DVDs, livros, revistas e jornais. O Vale também pode ser usado para fazer cursos de artes, audiovisual, dança, circo, fotografia, música, literatura ou teatro.

Dá até pra fazer um programinha cultural mais caro, já que o crédito é cumulativo e não tem validade. Você não usa por uns meses, ou usa menos e com o que acumulou você vai à forra! Como ir a bienal do livro, fazer um curso de teatro, pintura a dedo ou comprar um box especial daquela série.

Mas você, pessoa assalariada, depende do seu querido empregador para aproveitar esse lindo benefício, o governo exige a adesão das empresas. Pra isso o governo está oferecendo desconto no Imposto de Renda das empresas e deixando esse valor livre de encargos trabalhistas.

Fica a critério do empregado a participação no programa desde que o empregador tenha feito a adesão, as empresas têm de oferecer o Vale-Cultura prioritariamente aos trabalhadores que recebem até 5 salários mínimos.

Sim você vai pagar por isso, mas vai sair no lucro, já que o trabalhador com até 5 salários mínimos vai ter descontado de sua magra remuneração no máximo R$5. Assim:
  • Quem ganha até 1 salário paga  R$1;
  • Acima de 1 e até 2 salários, o desconto é de R$2; 
  • Acima de 2 até 3, R$3;
  • Acima de 3 até 4, R$4; 
  • Acima de 4 até 5, R$5;
  • Para quem ganha acima dessa faixa, o desconto varia de 20% a 90% do valor do benefício, ou seja, pode chegar a R$45, ou seja, melhor não né!?

E agora já? Desde o dia 23 de setembro, as empresas que quiserem já podem se habilitar no sistema de credenciamento, disponível no site do Ministério da Cultura, que pode ser feito a qualquer momento, não tem prazo limite nem pegadinha, basta vontade da empresa e do empregador, não nessa respectiva ordem.

E vale em compras pela internet! Desde que a loja esteja cadastrada no programa! O que inicialmente deve incluir somente os maiores nomes do e-commerce, depois populariza minha gente.



Lista dos produtos e serviços do Vale-Cultura


Senti falta do Blu-ray, serviços online, como compra de música e das histórias em quadrinho, gibis e mangás.

Nenhum comentário:

Postar um comentário